Fobias específicas fazem parte dos transtornos de ansiedade. O curioso é que podem focar em situações ou objetos que parecem totalmente inofensivos, como vegetais, a lua ou a cor amarela.

Continua após a publicidade..
As 40 fobias mais estranhas que existemAs 40 fobias mais estranhas que existem

Última atualização: 01 marzo, 2024

Seguindo a premissa do nosso próprio site, a mente é maravilhosa. É tão complexo e fascinante que pode ser difícil compreender como é possível experimentar um estado de alerta insuportável ao ler ou pronunciar palavras longas ou ao ver um umbigo, por exemplo.

Neste artigo selecionaremos as fobias mais raras do mundo, aquelas que, de forma curiosa e quase inexplicável, podem afetar nossa capacidade de ver e participar do mundo normalmente.

As fobias mais estranhas do mundo e seu significado

Antes de mergulhar nessas intrigantes fobias, é importante esclarecer que a validade de algumas delas está em debate, pois não contam com respaldo científico e profissional suficiente. No entanto, se forem reais, seriam classificadas como fobias específicas.

1. Cromofobia

É o medo irracional e excessivo do dinheiro. Quem sofre com isso pode sentir medo de comprar, gastar ou perder dinheiro ou de realizar transações em dinheiro. Atividades cotidianas, como comprar um café, podem ser muito desafiadoras para eles.

2. Hipopotomonstrosesquipedaliofobia

Pessoas que entram em pânico ao ler a palavra hipopotomonstrosesquipedaliofobia, eles poderiam ter hipopotomonstrosesquipedaliofobia. Este termo refere-se à fobia de palavras longas ou complexas, geralmente devido à dificuldade de pronunciá-las.

3. Batofobia

Neste caso, o objeto fóbico são as profundezas. A pessoa com batofobia pode sentir terror e ansiedade ao se deparar com locais como mares, piscinas profundas ou poços profundos. Está relacionado à talassofobia, o medo de grandes massas de água.

4. Somnifobia

Embora não seja uma fobia incomum, é bastante surpreendente. A pessoa que sofre de sonifobia tem um medo irracional de dormir porque pensa que talvez eu não acorde novamente.

5. Efebifobia

Essa fobia é a coisa mais curiosa; medo excessivo ou rejeição de adolescentes. Algumas pessoas, ao caminharem pela rua e verem um grupo de adolescentes se aproximando, chegam a mudar de lado.

6. Sofofobia

Neste caso, a condição reside no medo de adquirir novos conhecimentos ou à educação em geral. É mais comum em crianças do que em adultos e geralmente está relacionada a experiências traumáticas na escola ou relacionadas a ela.

7. Vasofobia

É o medo de cair e perder a capacidade de andar como resultado dessa queda. Ocorre principalmente em pessoas que foram submetidas a uma operação recente relacionada à mobilidade. É uma fobia muito limitante, pois tendem a evitar atividades diárias que envolvam movimentação.

8. Fagofobia

Já imaginou poder viver sem comer nada? Algo assim seria desejado por quem sofre de fagofobia, pois sofre medo irracional de comer e ter que engolir, por medo de engasgar.

9. Espermatofobia e medortofobia

São duas fobias sexuais peculiares. Por um lado, existe espermatofobia, que é o medo do sêmen. Entretanto, medortofobia é o medo de ereções.

10. Genofobia

A genofobia é outra fobia específica que envolve medo excessivo de tudo relacionado às relações sexuais e intimidade.

11. Pisantrofobia

É o medo de confiar nos outros. A pisantrofobia pode se desenvolver como consequência de experiências traumáticas e muito dolorosas em relacionamentos emocionais anteriores.

12. Anuptofobia

Não é incomum que uma única pessoa se sinta insatisfeita com sua situação. Agora, a anuptofobia vai além do simples desconforto. Esta fobia envolve um medo desproporcional diante da ideia de ficar muito tempo sem companheiro.

13. Lacanofobia

É o medo dos alimentos vegetais, tanto frutas quanto vegetais. Geralmente não se manifesta em todos os vegetais, mas sim em um ou alguns específicos.

14. Macrofobia

Quase ninguém gosta de longas esperas. Mas nem todo mundo desenvolve fobia a respeito. A macrofobia é o medo irracional e excessivo de estar em situações que exigem muito tempo de espera.

15. Pogonofobia

A barba é objeto de desejo para alguns e motivo de rejeição para outros. Assim como existe a pogonofilia, também existe a pogonofobia, que é a medo de barbasou para as pessoas que o possuem).

Continua após a publicidade..

16. Teofobia

Na nossa lista das fobias mais estranhas, não podemos deixar de mencionar a teofobia. É o medo irracional e excessivo de tudo ligado à religião e ao divino. Essa fobia geralmente surge de experiências traumáticas nessa área, como punições extremas ou abusos.

17. Aritmofobia

Aritmofobia é o medo irracional dos números.seja realizando operações matemáticas ou interagindo com elas de alguma forma.

18. Megalofobia

Um monumento gigante ou um navio de cruzeiro muito maior que o Titanic pode causar medo intenso em uma pessoa que sofre de megalofobia, a fobia de objetos grandes.

19. Eisoptrofobia

Eisoptrofobia é o medo de espelhos e de se ver refletido neles. Quem sofre dessa fobia costuma evitar entrar em ambientes onde haja espelhos ou, se não houver outra opção, desviar o olhar.

20. Escofobia

A escofobia é considerada um dos sintomas mais frequentes da fobia social, caracterizada por medo excessivo de ser observado por outras pessoas. Problemas de autoestima, timidez extrema o experiencias de assédio moral são fatores que podem contribuir para o desenvolvimento desse medo.



21. Hipengiofobia

Quem tem hiperengiofobia gostaria de permanecer como criança pelo resto da vida, pois teme, de forma excessiva e irracional, ter que assumir responsabilidades.

22. Atelofobia

É a fobia que ninguém menos enfrenta senão Barbie. Atelofobia é o medo da imperfeição ou não cumprir os padrões.

23. Hafefobia

A Haphephobia é uma das fobias mais estranhas e limitantes. É sobre o medo do contato físico. A pessoa que sofre sente profunda ansiedade ao ser tocada por outra pessoa ou ao tocar outra pessoa acidentalmente.

24. Falacrofobia

Perder cabelo é desagradável para a maioria. Mas as pessoas com falacrofobia levam esse medo ao extremo e experimentam ansiedade excessiva ao pensar em perda de cabelo e calvície.

25. Venustrafobia

A venustrafobia é uma das fobias mais raras que encontramos em nossa lista. É sobre o medo das mulheres que a pessoa considera atraente.

Continua após a publicidade..

26. Hexacosioihexekontahexafobia

É uma fobia específica do número 666. Este número tem sido historicamente associado a conceitos como o “número da besta” na tradição cristã, levando a certas crenças. supersticiosas transmitido de geração em geração.

27. Coulrofobia

Embora a coulrofobia não seja incomum, é bastante peculiar. Este é um medo excessivo de palhaços. Embora esses personagens sejam geralmente associados à diversão, algumas pessoas os consideram perturbadores devido à sua maquiagem exagerada e atitudes chamativas.

Esse medo às vezes é alimentado por filmes ou casos da vida real que retratam palhaços de forma sinistra.

28. Papafobia

Está ligado à teofobia, pois significa medo extremo do Papa, figura que dirige a Igreja Católica. Tal como acontece com todas as fobias específicas, a papafobia pode ter raízes em experiências traumáticas passadas.

29. Filofobia

Para quem sofre de filofobia, o amor representa uma enorme ameaça. A ideia de se apaixonar pode desencadear intensa ansiedade e fazer com que evite a possibilidade de entrar em relacionamentos amorosos.

30. Nomofobia

É o medo irracional de ficar sem celular ou computador.. Pessoas com nomofobia (sem fobia móvel) entram em estado de angústia e desconforto absoluto quando não estão com o telefone, seja por falta de sinal, perda do aparelho ou impossibilidade de utilizá-lo.

31. Araquibutirofobia

É uma das fobias mais estranhas e curiosas conhecidas até hoje. O objeto fóbico é, embora possa parecer absurdo, a manteiga de amendoim. O medo concentra-se especificamente na preocupação de que ele grude no céu da boca, causando dificuldades ao mastigar, respirar ou engolir.

32. Turistofobia

Não, não é o medo de viajar como turista. Pelo contrário, refere-se ao medo, rejeição ou aversão que alguns cidadãos locais sentem pelos turistas que visitam a sua cidade.

A turismofobia afeta muito os habitantes de lugares como Veneza e Barcelonae alguns até tomaram a drástica decisão de abandonar as suas casas devido às tensões geradas pelo turismo de massa.



33. Fobias meteorológicas

Existem diferentes tipos de fobias climáticas, incluindo:

  • Heliofobia: medo do sol
  • Selenofobia: medo da lua
  • Anemofobia: medo do vento.
  • Ceraunofobia: medo de tempestades elétricas, especialmente relâmpagos e trovões.

34. Catisofobia

Esta condição é caracterizada devido ao medo irracional e persistente de sentar. Pessoas com catisofobia podem ter grande dificuldade em usar cadeiras, sofás, carros, etc., o que pode afetar significativamente a vida diária.

35. Filemafobia

É o medo de beijos ou de contato físico próximo. Quem sofre de filemafobia pode ter medo de beijar, receber beijos e/ou ver outras pessoas se beijando.

36. Turofobia

Você ficará surpreso. Turofobia é o medo excessivo de queijos. Pode manifestar-se de várias maneiras, desde evitar completamente alimentos que contenham queijo, até reações físicas e emocionais negativas ao simples pensamento da sua presença.

37. Onfalofobia

Refere-se ao medo e à ansiedade relacionados a uma pequena parte do corpo: o umbigo. Pessoas com esse medo podem experimentar desconforto ao ver ou tocar o umbigo, até mesmo o seu.

38. Xantofobia

É claro que uma cor não pode fazer mal a você. Porém, pessoas com xantofobia apresentam enorme ansiedade na presença de objetos amarelos. Em geral, esse problema vem da crença supersticiosa de que está ligado ao azar.

39. Eufobia

Sem discussão, a eufobia é uma das fobias mais raras e surpreendentes. É o medo irracional de boas notícias.

40.Fobofobia

A fobofobia é uma ironia dentro do mundo das fobias, pois implica ter medo das próprias fobias. Em palavras simples, refere-se ao medo de sentir medo!

E quais são as fobias mais comuns?

Por outro lado, existem medos comuns que não nos surpreendem, como as fobias que contribuem para a elevada prevalência de transtornos de ansiedade. Dados do DSM-5 indicam que entre 7-9% da população dos EUA tem algum tipo de fobia específica, enquanto na Europa esta percentagem é de 6%.

Exemplos dessas fobias comuns incluem a acrofobia, que é uma fobia de altura, e outras fobias comuns, como:

  • Aerofobia: fobia de voar
  • Aracnofobia: aranhas.
  • Nictofobia: para a escuridão.
  • Colombofobia: para os pombos.
  • Claustrofobia: para locais fechados.
  • Agorafobia: para abrir espaços.
  • Misofobia: contaminação ou contato com sujeira.

Mesmo os mais peculiares podem ser tratados e superados.

No tratamento de uma fobia, não importa o quão estranho possa parecer, pois o objeto fóbico é apenas a superfície de algo mais profundo. Embora seja verdade que algumas fobias podem afetar mais a vida diária do que outras, a boa notícia é que todas elas podem ser abordadas e superadas através de tratamento psicoterapêutico.

Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email