Billie Joe Armstrong, do Green Day, manifestou interesse em colaborar com Olivia Rodrigo em uma nova entrevista.

Continua após a publicidade..

O vocalista de 51 anos falou com Abutre para um novo recurso antes do lançamento do 14º álbum de estúdio do Green Day, ‘Saviors’, refletindo sobre sua carreira e a importância que o próximo álbum tem na discografia da banda. A certa altura, a entrevista aponta o paralelo entre o lançamento teatral da banda em 2004, ‘American Idiot’, e artistas de formação teatral que fazem referência ao punk rock, destacando especificamente Olivia Rodrigo.

Armstrong então comentou sobre o destaque atual de Rodrigo, transmitindo seu interesse em colaborar com a potência do ‘Vampiro’. “Eu ouço, mas não saio comprando nenhum desses discos ou transmitindo. Isso passa por mim. Quando ouço, acho que soa bem”, disse Armstrong. “Acho que seria divertido trabalhar com ela algum dia. Ela é talentosa.”

“Às vezes você pode ver como alguém está interessado no que é o punk rock e talvez não tenha algumas das influências ou conhecimento que eu tenho sobre a história do punk rock. Sou uma espécie de enciclopédia. Fazer algo com alguém como Olivia Rodrigo seria divertido.”

Continua após a publicidade..

Em outra parte da entrevista, Armstrong elaborou sobre a ligação entre ‘Saviors’ e seus clássicos ‘American Idiot’ e ‘Dookie’, destacando como a banda inicialmente não tinha certeza de como seria o som de ‘Saviors’. “Tínhamos um grande lote de músicas que gravamos em Londres e quando o vimos, lembrei-me de ter pensado, Oh, esse é a conexão”, ele refletiu. “”Saviors’ parece uma trifeta com ‘Dookie’ e ‘American Idiot’ onde parece o trabalho de uma vida. Passei de não saber o que diabos estava fazendo para pensar: “Meu Deus, conseguimos preencher a lacuna entre esses dois grandes álbuns”.

Armstrong também detalhou sua luta contra o vício do álcool, que ele afirmou ter continuado sendo uma luta até 2021, quando o Green Day fez uma turnê com Weezer e Fall Out Boy durante a turnê ‘Hella Mega’. “Quando eu estava na turnê Hella Mega, comecei a ter problemas com o álcool quando estávamos na Europa. Foi tudo diversão e jogos”, admitiu. “A única coisa que o álcool fazia por mim era atrapalhar as coisas que eu queria fazer e a pessoa que queria ser.”

Continua após a publicidade..

Mesmo assim, ele também falou sobre seus esforços de recuperação, sobre os quais canta na faixa ‘Dilemma’ de ‘Saviors’, afirmando: “Estou mais velho, estou mais sábio. Tenho coisas diferentes que me fazem feliz. Eu não preciso ficar fora a noite toda me fodendo.”

‘Saviors’ será lançado pela Reprise/Warner na sexta-feira (19 de janeiro) e incluirá os singles anteriores ‘The American Dream Is Killing Me’, ‘Look Ma, No Brains!’ e ‘Dilema’. A banda fez seu retorno pela primeira vez em outubro com um show intimista em um pequeno local de Los Angeles ao lado de outro show em um pub em Covent Garden no mês seguinte. Embora a banda estivesse inicialmente programada para realizar outro pequeno show em Londres, ele acabou sendo cancelado devido a “uma doença inesperada”.

Enquanto o Green Day cantava ‘American Idiot’ no Véspera de Ano Novo de Dick Clark programa, Armstrong alterou sua letra para atacar Donald Trump, atraindo a desaprovação de Elon Musk.



Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email