Bruce Dickinson pretende fazer duelo de sabres de luz com Eddie nos shows do Iron Maiden
Reprodução / YouTube

Em nova entrevista, Bruce Dickinson foi questionado se existem certos lugares, pessoas, situações ou hobbies que influenciam sua criatividade e inspiração na hora de compor. O vocalista do Dama de Ferro trouxe uma resposta no mínimo curiosa, que certamente ajuda a entender por que o mascote da banda é o “caveirão” Eddie.

Continua após a publicidade..

Na conversa, ele explicou como funciona seu processo e apontou situações que lhe atrapalham, revelando, por fim, que gosta de passear pelo cemitério (!) para conseguir inspiração (via tagarela):

Acho que se você é criativo, então, você só precisa estar ciente de quando a criatividade pode surgir e estar preparado para abandonar todas aquelas coisas comuns que todo mundo pensa que são importantes para aquele momento especial, que acabou de cair e bater em sua cabeça, o que pode ser muito frustrante para o resto da humanidade quando eles querem que você vá jantar, mas você realmente quer escrever a última página de algo porque simplesmente acontece de você estar no clima.

Coisas assim acontecem em momentos estranhos e incomuns. Acontece comigo quando estou dirigindo, o que é muito inconveniente, porque você quer parar e escrever algo imediatamente, e muitas vezes não consegue. Ou sentado em trens, por incrível que pareça. Mas, então, alguém começa a fazer barulho e distrair você, e acaba ficando muito inconveniente. Então, às vezes, gosto de ficar meio solitário em uma sala lotada quando crio. Às vezes, saio e apenas vou passear pelo cemitério. Acho que isso me anima.

Será que foi daí que vieram as inspirações para os tantos Eddies diferentes ao longo dos anos? Ao final da matéria, inclusive, você pode relembrar as várias aparições do mascote na trajetória da banda.

Bruce Dickinson dá nome a lagarto na Amazônia

Em tempo, cientistas no Peru nomearam recentemente uma nova espécie de lagarto em homenagem ao vocalista do Iron Maiden.

O animal ganhou o nome de Enyalioides dickinsoni e foi encontrado na Cordilheira de Colán, localizada na parte peruana da Amazônia, a 740 quilômetros ao norte de Lima, capital do país.

Continua após a publicidade..

A espécie será conhecida como “lagarto de madeira de Dickinson” em linguagem popular e o site do Journal of Vertebrate Biology explicou mais detalhes sobre a nova espécie, como te contamos aqui.

Vale lembrar que o novo álbum solo de Dickinson, O Projeto Mandrágora, chegará em 1º de Março pela BMG. Logo após o lançamento do disco, Bruce desembarcará no Brasil para uma série de shows e você pode saber mais neste link.

Continua após a publicidade..

LEIA TAMBÉM: Edu Falaschi relembra teste para entrar no Iron Maiden aos 22 anos de idade: “foi uma puta emoção”

EU QUERO SER TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e rock alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!



Share.