Madonna respondeu aos seus críticos etários ao aparecer em uma nova e elaborada campanha publicitária brasileira.

Continua após a publicidade..

O ícone pop aparece em novo anúncio do banco brasileiro Itaú. No anúncio, a cantora de ‘Ray Of Light’ é vista subindo uma escadaria majestosa no Palais Garnier em Paris enquanto reflete sobre sua carreira de décadas.

“Eles me chamam de Rainha do Pop. Eu sei que é um elogio, mas a monarquia ficou no passado. Eu não sou. Eu não tenho idade. Tenho todas as idades. Não se trata de quem eu sou. É sobre quantos eu sou. Conte minhas conquistas, não o número de anos que vivi neste planeta. Estou sempre me reinventando para poder continuar sendo eu mesma”, disse ela no anúncio.

Madonna então disse: “Acho que a coisa mais controversa que já fiz foi ficar por aqui”, uma afirmação que ela fez anteriormente no Billboard Awards de 2016.

Ela acrescentou: “Já vi muitas estrelas aparecerem e desaparecerem, como estrelas cadentes. Mas minha luz nunca desaparecerá. Nem todo mundo está vindo para o futuro. Mas eu sou. Vou continuar hoje, amanhã e nos próximos 100 anos.”

No mês passado, fãs do ícone pop a defenderam contra trolls preconceituosos que zombaram dela incorretamente por usar uma viga de apoio em um show ao vivo.

A cantora deu início à etapa norte-americana de sua turnê mundial ‘Celebration’ em dezembro, e um vídeo foi compartilhado no TikTok dela dançando enquanto segurava um poste atrás dela.

Nos comentários do vídeo, alguns sugeriram que ela o estava usando como viga de apoio para ajudá-la a ficar de pé. Desde então, os fãs de Madonna defenderam a cantora dos trolls, com um deles dizendo: “Os idiotas fazem piadas, mas não mencionam o fato de que ela está dançando em uma PLATAFORMA EM MOVIMENTO”, e criticando os comentários “ageistas”.

No ano passado, Madonna abordou as críticas que recebeu após sua aparição no Grammy Awards de 2023, descrevendo a reação como evidência de um “mundo que se recusa a celebrar as mulheres”. [past] aos 45 anos”.

Após a transmissão, a cantora enfrentou uma enxurrada de comentários duros sobre sua aparência física, com muitos descrevendo-a como “irreconhecível” e mirando em sua cirurgia plástica. A estrela pop respondeu aos críticos em uma postagem no Instagram, escrevendo que ela está “mais uma vez pega no brilho do preconceito de idade e da misoginia”. [that] permeia o mundo em que vivemos.”

Madonna no THE 65TH ANUAL GRAMMY AWARDS, transmitido ao vivo no domingo, 5 de fevereiro de 2023. (Foto de Francis Specker/CBS via Getty Images)
Madonna no THE 65TH ANUAL GRAMMY AWARDS, transmitido ao vivo no domingo, 5 de fevereiro de 2023. (Foto de Francis Specker/CBS via Getty Images)

“Um mundo que se recusa a celebrar as mulheres [past] tem 45 anos e sente a necessidade de puni-la se ela continuar a ser obstinada, trabalhadora e aventureira”, acrescentou Madonna. A cantora disse que era “uma câmera de lente longa” que “distorce[ed] seu rosto, e lamentou como a reação havia ofuscado seu discurso de outra forma fortalecedor “sobre agradecer pelo destemor de artistas como Sam e Kim”.

A postagem continuou: “Nunca me desculpei por nenhuma das escolhas criativas que fiz, nem pela maneira como pareço ou me visto e não vou começar. Fui degradado pela mídia desde o início da minha carreira, mas entendo que tudo isso é um teste e estou feliz em desbravar”.

Continua após a publicidade..

Piers Morgan reservou um tempo para fazer comentários sobre as escolhas de moda de Madonna, que foram criticadas como “misóginas” por alguns telespectadores.

A emissora disse na TalkTV em janeiro de 2023 que não ficou impressionado com a forma como o ícone pop anunciou sua turnê de 40 anos.

Em resposta às notícias de sua turnê global, Morgan acusou Madonna de “tentar ser uma gatinha sexy quando você está na casa dos 60 anos” e trouxe à tona uma série de fotos explícitas que a cantora havia compartilhado anteriormente nas redes sociais ( através da O Independente).

Falando a Jeremy Kyle, Morgan disse: “Acho que ela se tornou o mais grotesco e constrangedor desastre de trem da história do entretenimento mundial”.

Após as críticas, Keira Knightley expressou seu apoio a Madonna depois que o ícone pop foi forçado a responder às críticas sobre sua aparência.

A atriz opinou sobre a polêmica, contando Bazar do harpista: “Mudar é sempre complicado. Aprendemos que isso é ruim. Aprendemos que não queremos cabelos grisalhos.”

Ela continuou: “Você tem Madonna por um lado – e nos disseram que isso não é a coisa certa. Então você tem outra pessoa, onde nos dizem: ‘Eles pareciam melhores há 20 anos’. Como devemos, culturalmente, envelhecer?”

Continua após a publicidade..

Kylie Minogue também falou sobre o preconceito de idade na indústria musical depois que Madonna comentou as críticas.

Minogue refletiu sobre como o preconceito de idade afetou sua carreira, tanto como artista jovem quanto mais velha. “Havia um pouco disso [ageism] com ‘Padam’, onde surpreendeu as pessoas e foi para uma rádio ‘voltada para jovens’”, disse ela Tempos de rádio. “Mas acho que estamos em uma época em que não é legal ser preconceituoso. As pessoas superaram isso.

Ela elogiou “as pessoas mais jovens” por abraçarem a sua música, citando que a sua atitude em relação à música é “realmente interessante” e “incrível e uma lufada de ar fresco”. “Você pode gostar do que quiser, ser o que quiser ser”, acrescentou ela, chamando essa atitude de “útil para [her] agora mesmo”.

“Eles realmente não veem minha idade, o que é engraçado porque comecei muito jovem, e se houve algum aspecto prejudicial nisso, foi: ‘Você é tão jovem, o que você sabe, como você pode ser confiável?’”

Ela acrescentou: “Em diferentes momentos da minha carreira, seja qual for a idade que eu tenha, houve algo para navegar… Falei sobre isso no meu álbum ‘Golden’, dizendo: ‘Não somos jovens, não somos velhos, somos de ouro, você só pode ser quem você é naquele momento.’”

Em outro lugar, Madonna recentemente sofreu uma queda em um show ao vivo recente, enquanto cantava seu hit de 1986, ‘Open Your Heart’.

O momento aconteceu durante uma parada recente como parte de sua turnê ‘Celebration’, que começou no Reino Unido no ano passado e está atualmente em sua etapa nos EUA.

NME assistiu ao show de abertura da turnê de Madonna no ano passado e deu-lhe uma crítica de cinco estrelas: “A coisa toda é um lembrete emocionante de que Madonna não é apenas uma estrela pop, mas também uma força cultural que realmente mudou o mundo ao se irritar com o que a sociedade espera das mulheres aos olhos do público.

“Isso é algo que vale a pena comemorar pela forma deslumbrante, dinâmica e às vezes um pouco desconcertante como ela apresenta aqui. Realmente, você não a teria de outra maneira.”

Desde então, ela ganhou as manchetes com shows ao vivo, dando a ‘Frozen’ sua estreia ao vivo na turnê, apresentando ‘This Used To Be My Playground’ ao vivo pela primeira vez e anunciando shows extras devido à alta demanda.

Também houve rumores de que a cantora da ‘Vogue’ será a atração principal do Glastonbury neste verão.

Nenhum artista para o festival de 2024 foi anunciado oficialmente ainda. Os fãs, no entanto, já estão especulando se Madonna poderia ser a atração principal do Glastonbury 2024, depois que a organizadora Emily Eavis compartilhou recentemente uma imagem de um show da ‘Celebration Tour’ em Londres. The Queen Of Pop estará disponível em junho próximo, com sua série de shows na América do Norte programada para terminar em abril.



Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email