Mark Ronson compartilhou suas idéias sobre a próxima cinebiografia de Amy Winehouse De volta ao preto.

Continua após a publicidade..

Dirigido por Sam Taylor-Johnson, o filme é estrelado por Marisa Abela (Indústria) como Winehouse e traça os anos vibrantes da cantora icônica morando em Londres, bem como sua intensa ascensão à fama. O lançamento está previsto para 12 de abril de 2024 no Reino Unido e na Irlanda.

O filme, que foi aprovado pelo espólio do falecido artista, traz muitos sucessos de Winehouse, gravados e interpretados por Abela. Um trailer oficial de De volta ao preto chegou na semana passada.

Ronson, amigo e colaborador de Winehouse – que produziu seu segundo álbum seminal, ‘Back To Black’ de 2006 – falou sobre a cinebiografia no Critics’ Choice Awards no domingo (14 de janeiro).

“A única coisa que sei sobre o filme é que conheço Sam muito bem, li o roteiro e sinto que o que ele fez muito bem foi… me lembrei de [Winehouse’s] humor e realmente pegou muito bem”, disse ele.

“Acho que ela simplesmente tinha esse senso de humor inteligente, que é um de seus muitos dons, e eles ficaram muito legais no filme. Estou ansioso para ver.”

Ronson, que não está ligado ao filme, ganhou a estátua de Melhor Canção para Ryan Gosling Barbie faixa ‘I’m Just Ken’ no Critics’ Choice Awards 2024.

De volta ao preto gerou polêmica ao longo de sua produção, com muitos acusando o filme de “explorar [Winehouse’s] legado” e “capitalizar seu trauma” (via Padrão Noturno).

Continua após a publicidade..

Além disso, a escalação de Abela foi criticada por alguns fãs que afirmam que o ator não se parece em nada com o falecido cantor. No início de 2023, porém, o pai de Winehouse, Mitch, defendeu a escolha.

“Marisa é uma ótima escolha para o papel, mesmo que ela não se pareça exatamente com Amy”, disse ele na época.

Continua após a publicidade..

Ao lado de Abela, a cinebiografia também é estrelada por Jack O’Connell como o ex-marido de Winehouse, Blake Fielder-Civil, Eddie Marsan como Mitch, Juliet Cowan como sua mãe Janis e Lesley Manville como sua avó Cynthia.

Num comunicado de imprensa anterior, Taylor-Johnson explicou: “Descobrir um talento como Marisa Abela é o mesmo que encontrar ouro em pó. No momento em que ela olhou para as lentes em seu primeiro teste, eu sabia que ela era a atriz perfeita para interpretar Amy Winehouse.

  • LEIA MAIS: A influência atemporal de Amy Winehouse: “Seu legado está além da compreensão”

“Ela trabalhou muito [and] atenção a cada detalhe, e ela treinou diariamente por horas para poder cantar durante todo o filme. Ela não se faz passar por Amy, ela a habita.”

Taylor-Johnson já dirigiu a cinebiografia de John Lennon Em lugar nenhum, garoto e o primeiro filme do Cinquenta Tons de Cinza franquia.

Matt Greenhalgh, que colaborou com Taylor-Johnson em Em lugar nenhum, garotoescreveu o roteiro de De volta ao preto. Alison Owen, Debra Hayward e Nicky Kentish-Barnes atuam como produtores.

Em dezembro, os pais de Winehouse disseram em comunicado: “Estamos entusiasmados que StudioCanal, Focus Features e Monumental estejam fazendo este filme celebrando o extraordinário legado musical de nossa filha Amy e mostrando seu talento da maneira que ele merece”.

Em setembro passado, Mark Ronson prestou homenagem a Amy Winehouse para marcar o que seria seu 40º aniversário.



Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email