Um ator de fundo processou Mia Goth na sexta-feira, alegando que ela o chutou intencionalmente na cabeça durante uma cena em abril passado.

James Hunter afirma que sofreu uma concussão depois que o gótico o chutou durante a produção da sequência do A24, “MaXXXine”. O filme é o terceiro de uma trilogia de filmes de terror dirigida por Ti West e estrelada por góticos, depois de “X” e “Pearl”, ambos lançados em 2022.

Continua após a publicidade..

Na ação, Hunter afirma que foi contratado por três dias de trabalho para desempenhar o papel de “Paroquiano Morto”. Na primeira noite de filmagem, ele ficou deitado no chão por várias horas coberto de sangue falso, “suportando formigas e mosquitos”.

Na cena, Goth deveria passar correndo por ele, e às vezes passar por cima dele, olhar para baixo e continuar correndo.

Continua após a publicidade..

O processo alega que na quarta tomada, o gótico quase pisou nele. Hunter reclamou com o segundo assistente de direção e a preocupação foi repassada ao gótico.

Na tomada seguinte, de acordo com o processo, Gótica o chutou deliberadamente na cabeça com a bota. Depois que a cena foi concluída, Hunter alega que estava no banheiro quando o gótico entrou e “o provocou, zombou e menosprezou”, desafiando-o a fazer qualquer coisa a respeito.

Continua após a publicidade..

Hunter sentiu dor na cabeça. O sangue falso também secou em seu manto, causando dor ao retirá-lo, de acordo com o processo.

No caminho para casa, ele sentiu tontura e teve que parar duas vezes. No dia seguinte, a agência de elenco informou que a produção não o queria de volta nos dois dias restantes, segundo a ação.

O processo acusa Goth de agressão e também inclui uma reclamação de rescisão injusta contra A24, Goth e West.

Share.