ad

Mia Goth foi processada por um ator de fundo, que a acusou de chutá-lo intencionalmente na cabeça durante uma cena de Maxxina.

O diretor Ti West e A24 também foram citados na denúncia, apresentada na segunda-feira no Tribunal Superior de Los Angeles, sobre a suposta lesão sofrida pelo ator durante as filmagens do último filme da trilogia de terror, que inclui X e Pérola.

Continua após a publicidade..
ad

Na cena, Hunter foi instruído a se deitar no chão e se fingir de morto.

“Goth deveria passar correndo pelo reclamante no chão; e, em alguns casos, passar por cima dele, olhar para ele e continuar a correr”, afirma a denúncia.

Continua após a publicidade..
ad

Em vez disso, Goth chutou Hunter propositalmente na cabeça com a bota. Quando ele notificou o segundo assistente de direção de que estava com dor de cabeça e rigidez no pescoço, nenhuma assistência médica foi oferecida, pois West ordenou que as filmagens continuassem, diz o processo.

Continua após a publicidade..

No dia seguinte, Hunter alega que foi afastado da produção pelos dois dias restantes de filmagem, sem justificativa. Ele diz que sofreu uma concussão devido ao suposto incidente.

A denúncia alega agressão contra Goth, bem como rescisão injusta contra A24 e West. Hunter pede pelo menos US$ 250 mil, mais danos punitivos.

Share.
ad