Algumas coisas na vida são melhores quando são “unilaterais”. Você sabe, feito sozinho.

Por exemplo…

Continua após a publicidade..

Um belo jogo de paciência, completando um quebra-cabeça desafiador, arrancando ervas daninhas do seu jardim, comendo uma pizza inteira sozinho (não, só eu?).

Mas aqui está a questão.

Quando se trata de relacionamentos, é preciso haver um pouco de troca.

Em outras palavras, uma parceria igualitária (e equilibrada).

Se você é o único que está fazendo um esforço, estendendo a mão ou fornecendo apoio emocional (até mesmo financeiro)…

Parece que você está em um relacionamento unilateral.

Mas como você reconhece os sinais? Bem, aqui estão seis comportamentos reveladores a serem observados.

Identifique-os antes que seja tarde demais!

1) Eles não se desculpam demais

Haverá momentos em que cometeremos um erro ou diremos a coisa errada. Principalmente no calor do momento.

E quer saber, é perfeitamente natural discutir ou ter divergências aqui e ali.

Pode até ser uma coisa boa.

Mas para um relacionamento funcionar (e permanecer saudável), é importante assumir a responsabilidade por suas ações e fazer as pazes.

Porque, no final das contas, mesmo que você não tivesse a intenção de ferir os sentimentos do seu parceiro (ou amigo), você ainda assim o fez.

E é por isso que você engole seu orgulho e se reconcilia pedindo (genuinamente) perdão.

Mas para algumas pessoas, a palavra “desculpe” simplesmente não está no seu vocabulário. Simplesmente não computa. Pelo menos, não quando for a sua vez de pedir desculpas.

Em vez disso, você geralmente é a primeira (e única) pessoa a assumir a responsabilidade para restaurar a paz. Do contrário, eles farão você se sentir culpado ou o rejeitarão até que você, no final das contas, desista.

A coisa é…

Aos olhos deles, nunca é culpa deles.

Eles só veem as coisas de sua perspectiva. Ou isso ou eles sempre têm uma desculpa ou um “bom motivo” para dizer o que disseram (ou fizeram).

É um padrão.

Um relacionamento que continuará se você permanecer nesse relacionamento unilateral.

2) Eles regularmente “casperam” você (até que precisem de algo)

Você é sempre o primeiro a contatá-los ou incluí-los nos planos? Talvez eles muitas vezes deixem você sem ler…

E, se formos honestos aqui, eles só entram em contato com você quando precisam de um favor ou de um ombro para chorar. Em outras palavras, quando for conveniente para eles.

Não apenas isso…

Mas eles estão enganando você ao soprar constantemente quente e frio. É confuso, para dizer o mínimo.

Bem, todos nós já ouvimos falar do termo “Fantasma.” Mas você conhece seu primo mais amigável, “Casper?”

Não.

A respeito “Pão ralado?”

Simplificando, é onde alguém ainda mantém contato, mas é limitado. Seja para te interromper aos poucos ou para te manter no gancho, sem compromisso.

Continua após a publicidade..

E embora esses termos de namoro que parecem fofos pareçam bastante inofensivos, eles podem na verdade ser mais prejudiciais (e cruel) do que fantasmas completos.

Eles dão à outra pessoa falsa esperança.

Mas aqui está a verdade.

Quando você está em um relacionamento, a comunicação limitada (ou a falta dela) é um grande sinal de alerta. Além do mais, é um sinal revelador de que esse romance ou amizade é unilateral.

3) Eles nunca perguntam sobre o SEU dia

Quando você fala com eles, você realmente se sente ouvido?

Com isso, quero dizer que eles estão presentes, fazendo perguntas abertas relacionadas, parafraseando, mantendo contato visual e, geralmente, interessados ​​em você e no que você tem a dizer.

Em outras palavras, eles estão ouvindo você ativamente?

Se não estiverem, provavelmente você está em um relacionamento unilateral.

Aqui está a coisa.

A comunicação é crucial para que o relacionamento funcione, e por um bom motivo. Não só ajuda na resolução de conflitos, mas também nos permite conectar-nos com outras pessoas em um nível mais profundo.

Por exemplo…

Construa confiança, aumente a intimidade, estabeleça expectativas e, o mais importante, conheça-se.

Sem ele, você pode se sentir solitário, inseguro ou incompreendido.

E quando você é o único envolvido ou fazendo um esforço, isso pode ser extremamente doloroso e desanimador com o tempo.

Em última análise, demonstra falta de compreensão, empatia e apoio emocional da parte deles. É quase como se eles não se importassem.

Continua após a publicidade..

Isso é porque…

4) Eles estão emocionalmente distantes

Você já se referiu a um parceiro como “sua outra metade?”

Há uma razão para isso.

Isso implica que eles estão lá para você, não importa o que aconteça. Eles completam você. Mais importante ainda, vocês precisam apoiar uns aos outros (igualmente).

Porém, quando você está em um relacionamento desequilibrado, acontece o contrário.

Talvez estejam emocionalmente distantes, distraídos ou totalmente egoístas. Talvez eles não consigam retribuir o mesmo apoio que você lhes dá, deixando você insatisfeito e rejeitado.

De qualquer forma, tudo isso aponta para uma coisa…

Essa relação é unilateral.

5) É cansativo estar perto deles

Estar em casal é muito como entrar em um novo empreendimento comercial – é uma parceria.

Eu sei, eu sei, isso não parece muito romântico, não é?

Mas tenha paciência comigo.

Há decisões conjuntas a serem tomadas, compromissos a serem assumidos, finanças a serem fundidas e uma boa quantidade de habilidades de negociação necessárias.

E como qualquer negócio de sucesso, é preciso comunicação aberta, dedicação, comprometimento e trabalho em equipe para funcionar sem problemas.

Faça isso direito, você é uma unidade imparável.

Mas quando você está em um relacionamento unilateral, tudo isso vai embora.

Em vez disso, todo esse trabalho árduo (decisões, planos, intimidade, responsabilidades) recai sobre uma pessoa, enquanto a outra pessoa está distante, intransigente e sem vontade de fazer sacrifícios.

Francamente, é totalmente cansativo estar perto deles.

E isso acontece porque o relacionamento está desequilibrado. Algo que está causando tensão emocional e ressentimento – em mais de uma maneira.

6) Eles convenientemente “esquecem” a carteira

Quando você está em um relacionamento, é normal dividir os custos. Talvez, tratem um ao outro de vez em quando.

Eventualmente, você pode até decidir combinar recursos.

Mas se você descobrir que é o único que contribui para despesas como contas, férias, encontros noturnos ou compras, pode haver um desequilíbrio financeiro em questão.

Além do mais, esta dinâmica pouco saudável indica que o relacionamento é unilateral.

Pior ainda, você provavelmente dá desculpas para eles.

Mas o resultado final é…

Se você reconhece este ou qualquer outro comportamento listado neste artigo, é hora de dar um passo atrás e se perguntar…

“Esse relacionamento unilateral vale a pena?”

Porque, se o relacionamento sempre faz você se sentir desvalorizado e insatisfeito, é hora de colocar você e seu bem-estar em primeiro lugar.

Quando tudo estiver dito e feito, você merece o melhor.

Share.