The National e The War On Drugs anunciaram detalhes de uma turnê conjunta pelos EUA. Encontre detalhes do ingresso abaixo.

Continua após a publicidade..

Anunciada hoje (26 de fevereiro), a próxima turnê ‘Zen Diagram’ está marcada para começar ainda este ano e verá as duas bandas em turnê pelos EUA pela primeira vez.

As datas incluem 19 shows ao vivo em todo o país, começando com uma noite de abertura no Bank of New Hampshire Pavilion em 12 de setembro e continuando no dia seguinte com uma parada no Forest Hills Stadium, em Nova York.

A partir daí, mais shows estão programados para o restante do mês, incluindo vagas na Filadélfia (17), Chicago (24) e Madison, Wisconsin (26). O show final em setembro será realizado no Granary Live em Salt Lake City, Utah, no dia 29 de setembro, antes de ambas as bandas encerrarem a turnê com uma série de shows durante o mês de outubro.

Esses recursos param no Moda Center em Portland, Oregon (3 de outubro), no Greek Theatre em Berkeley, Califórnia (6) e no Hollywood Bowl em Los Angeles (7). A data final da recém-anunciada série de shows na América do Norte é uma parada no Palacio De Los Deportes, na Cidade do México, no dia 10 de outubro, e esta é a única das datas que não contará com Lucius como convidado especial.

Os ingressos estarão à venda nesta sexta-feira (1º de março), às 10h, horário local. Visite aqui para comprar ingressos e confira a lista completa dos próximos shows no post abaixo.

Continua após a publicidade..

A notícia da turnê conjunta foi compartilhada pelo The National hoje cedo, com uma postagem no X/Twitter (como visto acima). De acordo com um comunicado de imprensa, os shows ao vivo estão programados para que ambas as bandas entreguem sets embalados com músicas de seus respectivos catálogos.

Isso também vem após o The National anunciar uma corrida global pela Nova Zelândia, Austrália, Europa e Reino Unido este ano, e The War On Drugs sendo escalado para várias apresentações no Reino Unido e datas de festivais na Europa neste verão. Encontre ingressos para shows do The National no Reino Unido aqui e para os programas do The War On Drugs no Reino Unido aqui.

Em outras notícias do The National, em setembro passado, Matt Berninger falou abertamente a NME sobre tópicos como sua luta contra a depressão e seu tempo trabalhando com Taylor Swift.

Continua após a publicidade..

“Tentei me reiniciar fisicamente, mentalmente e tudo mais. Tudo queimou. Meu cérebro queimou até as cinzas e tive que reconstruí-lo lentamente de alguma forma”, explicou ele, relembrando como foi voltar de um período difícil. “Foi preocupante perceber o quão frágil eu era. Olhando para trás, eu estava muito doente. Foi toda uma coisa física desencadeada por coisas reais e coisas mentais. Foi uma paralisia emocional e física total. Aprendi a respeitar isso e a respeitar o quão frágeis todos são.”

O último álbum do National, ‘Laugh Track’, foi lançado em setembro passado e marcou o 10º álbum de estúdio da banda. Recebeu uma avaliação de quatro estrelas por NMEcom Thomas Smith escrevendo: “Esse imediatismo, que lembra ‘Alligator’, contribui para o sucesso de ‘Laugh Track’… A bateria de Bryan Devendorf – estrondosa, complexa, cortante – é mais crucial para cada música: ‘Deep End (Paul’s In Pieces )’ parece instantaneamente memorável, assim como a âncora em ‘Dreaming’.”

O último álbum de estúdio do The War On Drugs, ‘I Don’t Live Here Anymore’, chegou em 2021 e recebeu uma crítica brilhante de cinco estrelas por NME.

“O vocalista do War On Drugs pode cortar o estereótipo do rock’n’roll – todos os cabelos agitados e camisas xadrez – mas ele nunca acreditou na mitologia que vem com o papel”, dizia. “Em vez disso, o homem de 42 anos dominou seu ofício com um impulso obsessivo, descobrindo o caminho acidentado da vida por meio de um exame de consciência americano.



Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email