Anualmente, o IEP lança um relatório chamado Índice Global da Paz, onde traz dados sobre a violência em todos os países do mundo. Além de citar alguns problemas ou qualidade do local, o relatório possui um ranking dos países. É com base nesse ranking que formulamos a lista abaixo.

Continua após a publicidade..

Alguns países estão com sua situação melhorando, já outros, cada dia pior. Os conflitos variam entre conflitos com países inimigos, guerras civis, terrorismo, ou todos os fatores somados.

A tranquilidade, segundo o relatório, melhorou em 84 países e se deteriorou em 79. Mesmo que mais países tenham melhorado, o mundo como um todo se tornou menor pacífico em 2022.

Os 7 países mais perigosos do mundo

7. Ucrânia

Com a invasão da Ucrânia em 2022, o país passou a figurar uma das piores posições no índice de paz da IEP, sendo considerados um dos países mais perigosos do mundo.

“A invasão russa teve um impacto devastador no população ucraniana, o que se reflete na deterioração pontuação em Segurança e Proteção e Conflito Contínuo […] Estima-se que mais de 30% do total da população ucraniana é agora refugiada ou internamente deslocado”, diz o relatório.

Tanque de guerra Ucraniano em um exercício militar. Imagem: Anatolii Stepanov /AFP

6. Rússia

Em 2022, a Rússia atingiu o menor nível de tranquilidade desde 2008, marcando a posição como o sexto país mais perigoso do mundo no relatório do IEP em 2023.

“A Invasão da Ucrânia pela Rússia em fevereiro 2022 foi o principal fator na deterioração da paz, levando a deteriorações em todos os três domínios do GPI”, diz o texto do relatório.

Continua após a publicidade..

5. República Democrática do Congo

Em 2020, as relações da República Democrática do Congo com a Zâmbia pioraram. O conflito tem origem na disputa por territórios.

O país tem grande violência pelos conflitos internos e bastante crimes violentos, desde assaltos até invasões de casas.

image 51
Imagem: Kenny Katombe/Reuters 

4. Sudão do Sul

O país conquistou sua independência do Sudão em 2011, e teve toda sua história independente extremamente conturbada. Com 42% da população deslocada de suas casas, o Sudão do Sul é um dos países mais violentos do mundo, com altos níveis de violência sexual. O conflito interno no país aumentou, diferente dos três países mais violentos, onde o conflito está caindo.

3. Síria

Marcando sua posição como o terceiro entre os países mais perigosos do mundo, a Síria tem tido uma melhora pela solidificação do presidente, Bashar al-Assad no poder. Não que ele seja um presidente benevolente, até porque é altamente acusado de ditador. Entretanto, a diminuição nos conflitos pelo poder do país ajuda na melhoria da paz no país.

Continua após a publicidade..

A fuga de civis da Síria de tornou a maior crise de refugiados do mundo em várias décadas. Cerca de 61% da população da Síria está refugiada em algum ponto, segundo o relatório.

image 52
Imagem: UNHCR/Hameed Marouf

2. Iêmen

“O Iémen é o país menos pacífico da região MENA (um grupo de países do Oriente Médio e Norte da África) pelo terceiro ano consecutivo. O Iémen é também o segundo país menos pacífico país globalmente. No entanto, há sinais de que a tranquilidade no Iémen começa a melhorar, com o país a registar a sua primeira melhoria na tranquilidade desde 2017”, diz o relatório em relação ao país.

O relatório destaca, por exemplo, o um cessar-fogo assinado em 2022 como um dos motivos pela melhora na tranquilidade do país.

1. Afeganistão

O Afeganistão está na primeira posição entre os países mais perigosos do mundo há seis anos, conforme o relatório. Entretanto, mesmo que permaneça em primeiro lugar, a violência no Afeganistão diminuiu – foi a quinta menor queda entre todos os países.

Dentre os motivos estão a queda nos conflitos entre o Talibã e a Frente de Resistência Nacional, diminuição nas atividades terroristas, retirada das tropas dos EUA e algumas atividades da ONU no país.

Em 2022, metade dos afegãos disseram já ter sido roubados e apenas 13% deles se sentiam seguros andando sozinhos à noite.

Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email