O rio Amazonas é conhecido por ser o segundo maior rio do mundo em extensão, com mais de 30 milhões de pessoas de 3 países diferentes vivendo na bacia do rio. Mas, mesmo assim, não há pontes no rio Amazonas.

Continua após a publicidade..

Muita gente pode estranhar este fato já que outros rios grandes, como o Rio Nilo, possuem até mais de uma ponte sobre ele, facilitando assim o transporte de pessoas e mercadorias.

Por isso, neste post vamos mostrar os principais motivos que fazem com que o rio Amazonas não tenha pontes na sua região e como a população local consegue fazer o seu transporte.

As pontes no rio Amazonas seriam difíceis de construir

Um dos principais motivos para não ter pontes no rio Amazonas é o fato delas serem mais difíceis de construir devido ao ambiente. A Amazônia é conhecida por ter extensos pântanos e solos moles que exigiriam uma construção diferenciada para sustentar a passagem.

Seria necessário construir fundações profundas e viadutos de acessos longos para conseguir criar pontes no rio Amazonas. Além disso, o próprio rio apresenta suas particularidades que dificultam a construção de pontes.

O curso do rio Amazonas pode mudar drasticamente ao longo das estações e assim adotar larguras e profundidades diferenciadas.

Por exemplo, entre os meses de junho a novembro o rio Amazonas passa pela estação seca. Nesse período a largura do rio fica entre 3,2 a 9,7 km. Mas, durante a estação chuvosa, que vai de dezembro até abril, a largura do rio pode ter até 48 km.

Além disso, no período chuvoso a profundidade do rio pode ficar 15 metros mais alta que a estação seca. Isso exigiria uma logística diferenciada para a construção de pontes no rio Amazonas, que conseguissem ser utilizadas de acordo com as variações do rio.

População costuma usar barcos e balsas

Além das dificuldades logísticas, hoje em dia não há uma real urgência em construir pontes no rio Amazonas.

Apesar do rio atingir muitas pessoas, a região onde ele passa não possui muitas estradas principais para conectar a uma ponte.

Além disso, a maioria das pessoas da região já estão acostumadas a utilizar barcos e balsas para se movimentar e fazer o transporte de mercadorias.

Existem projetos para construir pontes no rio Amazonas

Apesar de ser difícil construir pontes no rio Amazonas, essa ainda não é uma ideia deixada de lado. Em 2019, o ex-presidente Jair Bolsonaro declarou querer ter uma ponte construída na Amazônia.

A ponte faria parte do Projeto Rio Branco. Mas, desde aquela época não foi mais falado no assunto, já que a construção da ponte ainda seria muito cara em comparação aos ganhos.

Porém, existe a possibilidade da construção de uma ponte sobre o Alto Amazonas, também conhecido como Rio Solimões. Nesse cenário, a ponte se conectaria à BR-319, facilitando o trajeto das pessoas.

Mas, ainda assim, não existe um motivo econômico para a construção da ponte no local, que também usam barcos e balsas para transportar pessoas e produtos. Além disso, especialistas dizem que uma ponte poderia aumentar o desmatamento da região, que agora seria de fácil acesso.

Sendo assim, é um pouco difícil que o rio Amazonas chegue a ter pontes sobre ele. O único cenário em que isso poderia acontecer seria se a necessidade de transporte superasse as dificuldades da construção.

Share. WhatsApp Facebook Telegram Twitter Pinterest LinkedIn Tumblr Email