ad

São Paulo, 15/01/2024 – As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única nesta segunda-feira, em meio a especulação sobre os próximos passos da política monetária da China após a manutenção de taxas de juros locais.

Nos mercados chineses, o índice Xangai Composto subiu 0,15%, a 2.886,29 pontos, enquanto o menos abrangente Shenzhen Composto recuou 0,33%, a 1.743,58 pontos.

Continua após a publicidade..
ad

Contrariando expectativas de redução, o banco central chinês (PBoC) deixou inalteradas hoje as taxas de juros de sua linha de crédito de médio prazo (de 1 ano) e de contratos de recompra (repos) reversa de 7 dias, em 2,5% e 1,8%, respectivamente. Em nota a clientes, o banco ANZ diz que a manutenção da taxa de médio prazo “significa que a chance de um corte (da taxa de compulsório bancário) em fevereiro é maior agora”.

Masterclass Gratuita

O Ano da Virada

Descubra onde estarão as melhores oportunidades para multiplicar o seu patrimônio e ganhar uma renda extra em 2024

Continua após a publicidade..
ad

Continua após a publicidade..

Em outras partes da Ásia, o japonês Nikkei subiu 0,91% em Tóquio, a 35.901,79 pontos, renovando máxima desde fevereiro de 1990, enquanto o Hang Seng caiu 0,17% em Hong Kong, a 16.216,33 pontos, o Kospi teve ganho marginal de 0,04% em Seul, a 2.525,99 pontos, interrompendo uma sequência de oito pregões negativos, e o Taiex avançou 0,19% em Taiwan, a 17.546,82 pontos, após a eleição como presidente, no fim de semana, de Lai Ching-te, que prometeu defender a independência de fato da ilha em relação à China.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou levemente no vermelho, pressionada pela fraqueza de ações de mineradoras. O S&P/ASX 200 teve ligeira perda de 0,03% em Sydney, a 7.496,30 pontos.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Fonte: InfoMoney

Share.
ad