ad

A Camil (CAML3) viu seu lucro líquido encolher 2,8% no terceiro trimestre de 2023, em comparação ao mesmo período do ano anterior. A companhia teve um resultado líquido de R$ 143 milhões, ante os R$ 147,1 milhões do terceiro trimestre de 2022.

A alta nos preços do arroz, tanto no mercado interno quanto externo, e as cotações internacionais do açúcar contribuíram para o aumento da receita da Camil no terceiro trimestre. A companhia registrou um crescimento de 15,5% em sua receita líquida, que foi a R$ 3 bilhões.

Continua após a publicidade..
ad

Operacionalmente, os resultados avançaram. O Ebitda ajustado, que exclui a receita operacional não recorrente de R$ 141,7 milhões referente à compra da Mabel, cresceu 48,3%, para R$ 249,3 milhões.

Masterclass Gratuita

O Ano da Virada

Descubra onde estarão as melhores oportunidades para multiplicar o seu patrimônio e ganhar uma renda extra em 2024

Continua após a publicidade..
ad

Continua após a publicidade..

Um dos pontos sensíveis do trimestre foi o resultado financeiro. O prejuízo financeiro de R$ 73,8 milhões do terceiro trimestre de 2022 aumento para R$ 110 milhões no período. Foram R$ 36 milhões a mais de prejuízo no comparativo anual, um crescimento de 49%.

Além disso, o aumento dos custos e despesas também pesou. As despesas com matérias-primas e materiais, por exemplo, aumentaram 13%, para R$ 2,08 bilhões. Foram R$ 344 milhões a mais do que o registrado no terceiro trimestre de 2022, no principal item de custos da Camil.

“Estamos focados na execução do nosso plano de otimização e revisão de despesas, visando maior eficiência e a identificação de novas sinergias nas aquisições realizadas”, disse Luciano Quartiero, presidente da Camil, em sua mensagem aos investidores.

Fonte: InfoMoney

Share.
ad