ad

A diretora-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), Ngozi Okonjo-Iweala, ressaltou nesta sexta-feira (12) que o mundo perderá cerca de 5% do Produto Interno Bruto (PIB) global – o equivalente à economia do Japão – caso a tendência de fragmentação do comércio continue.

O número foi estipulado por analistas da OMC no ano passado, porém, segue um risco para a economia, lembrou a autoridade.

Continua após a publicidade..
ad

“Nossa compilação de dados agregados em 2023 ainda tem muito ruído e não está clara para análise definitiva, mas estamos vendo sinais cada vez maiores de fragmentação que podem ser muito prejudiciais para o mundo”, afirmou Ngozi.

Oferta Exclusiva

CDB 150% do CDI

Invista no CDB 150% do CDI da XP e ganhe um presente exclusivo do InfoMoney

Continua após a publicidade..
ad

Continua após a publicidade..

Entre estes sinais, a diretora destacou como exemplo o comércio entre China e Estados Unidos já em estado de declínio e o crescimento mais rápido de transações entre países com mentalidade mais parecida.

Para ela, esta postura significaria ir contra os valores sobre os quais a estrutura do comércio internacional deveria ser baseada, ignorando a estrutura de “livre comércio e ausência de protecionismo”.

“Além disso, estaríamos assinando uma sentença para mercados emergentes, impedindo o seu desenvolvimento”, pontuou.

Fonte: InfoMoney

Share.
ad